Reigi

Eu j? havia postado isso, mas como um de meus leitores parece n?o ter lido o post de mar?o, reitero e desta vez explico:

1) Coment?rios an?nimos ? bons, ruins ou lona ? ser?o sumariamente apagados, por raz?es ?bvias.

A raz?o ?bvia, que pode n?o ser t?o ?bvia para algumas pessoas, ? a seguinte: uma das bases para a comunica??o ? a certeza de n?o estar falando sozinho. O anonimato priva o interlocutor dessa certeza.

2) Quem bloga fala sozinho, diferentemente de quem comenta.
Aqui eu n?o escrevo para voc?, que est? ajeitando o ?culos no rosto, ou para voc?, que toma sorvete enquanto navega. Decerto escrevo para algu?m, mas ao mesmo tempo para nenhuma pessoa espec?fica — essa ? uma discuss?o longa e chata pacas. Quem comenta, ao contr?rio, evidentemente est? se dirigindo ao autor do post comentado. Assim, chamar-me de porco imundo incluiria uma destas duas coisas: 1) provas indiscut?veis de que tenho nariz redondo e chato, vivo imerso na lama e fa?o ‘oinc-oinc’ ou 2) um pedido de desculpas. Ainda que eu tenha ferido os brios de um comentarista com algo que escrevi, ? salutar que ele compreenda a import?ncia do princ?pio da proporcionalidade, isto ?, o valor de responder id?ias com id?ias. E se minhas id?ias parecerem rasteiras e sacanas, lembro-vos de duas coisas: um blog n?o ? um espa?o para longas e detalhadas reflex?es, ? antes um espa?o de opini?o, de lan?amento e compartilhamento de id?ias; questionado sobre a brevidade e a superficialidade de algumas das minhas id?ias, n?o vou privar meu interlocutor de explica??es mais extensas, tampouco recorrerei ? er?stica e ? explica??o f?cil que diz que “? assim porque eu quis”. Para isso, meu e-mail tamb?m est? ? disposi??o.

3) Declarar-me escritor n?o implica declarar-me um bom escritor.
Volto aqui ? id?ia de proporcionalidade. Eu sou um arquiteto ruim que escreve mal. Infelizmente n?o adiantaria me tratar como um doutor em filosofia.

4) Mau humor ? bem-vindo, desde que possua raison d??tre.
O comentarista pode at? xingar, desde que demonstre a validade da ofensa ou das proposi??es que a sustentam.

5) Economiza tuas pedras para alvos que valham a pena.
O que dispensa explica??es.

A casa ? sua, mas limpe os p?s antes de entrar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s