Música para o domingo

Chuva e frio. Vai uma música aí? (Todos os links são do YouTube)

Adios Nonino, uma das mais belas melodias do mestre do tango, Astor Piazzolla — na interpretação do próprio mestre.

Zapateado, do Concerto Madrigal, de Joaquin Rodrigo. Rodrigo, conhecido pelo Concerto de Aranjuez, prova mais uma vez que o violão também pode ir à sala de concerto.

Ulisses Rocha tocando Fim de Tarde, de sua autoria. A má qualidade do vídeo é compensada pela música. Ulisses Rocha é um dos grandes violonistas brasileiros da atualidade. Iniciou sua carreira no final dos anos 70, quando formou com André Geraissati e Ruy Saleme o Trio d’Alma. Depois disso desenvolveu carreira solo, tornando-se um dos expoentes do instrumental brasileiro.

André Geraissati interpretando Três Marias no Festival de Montreux, em 1988.

Ravi Shankar, recém-trazido da Índia por George Harrison, no Dick Cavett show — o que provavelmente aconteceu em algum momento no final dos anos 60.

Bonus:

Segovia interpreta sua transcrição para o violão da Chaconne, da Partita para violino nº 2, BWV 1004, de Bach. Para quem acha que música clássica é monótona.
Parte 1Parte 2

Embora estes dois links sejam também do YouTube, há apenas o audio. Até onde se sabe, não existem filmagens de Segovia interpretando esta obra. Mesmo assim, trata-se de um dos melhores momentos do mestre espanhol, interpretando uma das mais geniais composições de Bach.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s